Sociedade pressiona e PL 2508/21 vai a votação na manha desta terça-feira (22) na ALMG, liberando R$11 bilhões para MG

Sociedade pressiona e presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais – ALMG, deputado Agostinho Patrus Filho (PV-MG) coloca projeto 2508/21 em votação às 10h desta terça feira 22 de junho.

Foto: Juvenal Junot – Assessoria ALMG

Em reunião com o vice-presidente da ALMG, deputado Antonio Carlos Arantes (PSDB-MG) entidades que compõem o Movimento de Defesa e Desenvolvimento de Minas Gerais – MDDM, entregaram na tarde desta segunda-feira (21) documento assinado por mais de 40 entidades da sociedade civil. A principal reivindicação do Manifesto foi agilidade na aprovação do projeto PL 2508/21 parado na ALMG há mais de 100 dias.

O vice-presidente garantiu que o PL vai ser votado às 10h desta terça-feira (22) e será aprovado. Até meia noite deste domingo (20) os deputados puderam apresentar emendas. Porém, as 260 emendas não alteram o texto principal, segundo o vice-presidente: “fizemos acordo com os líderes de blocos e o PL 2508/21 será aprovado sem alterações”, confirmou.

Foto: Juvenal Junot – Assessoria ALMG

Aprovação do PL 2508/21 beneficia milhões de pessoas em Minas Gerais em momento crítico da história do estado. O Projeto de lei de autoria do executivo estadual foi amplamente discutido com o MP e a Justiça Estadual no maior acordo de reparação de danos ambientais da história do Brasil.

A Vale terá que pagar R$37,8 bilhões pelos danos causados ao estado de Minas Gerais pelo rompimento da Barragem Córrego do Feijão em Brumadinho na tarde de 26 de janeiro de 2019, quando 259 pessoas perderam a vida, e outras 11 continuam desaparecidas.

Deputado garante que PL 2508/21 será votado nesta terça-feira (22) às 10h

O Deputado Antonio Carlos Arantes lembrou que embora tenha sido um bom acordo, o Legislativo estadual não participou, o que na opinião dele foi um erro estratégico do Governador: “Temos certeza da seriedade do Governador Romeu Zema e de sua equipe, porém ele falhou ao deixar a ALMG fora das negociações, mas isso está superado e não será por corpo mole da ALMG que os projetos não serão executados e os recurso utilizados em benefício do povo mineiro”, comenta o parlamentar.

Dos R$ 37,5 bilhões, a ALMG negociou e conseguiu liberação imediata de R$1,48 bi para os 853 municípios, recurso que já estão liberados e que contemplam todos os municípios do estado de forma justa e equitativa, pelo numero de habitantes de cada um deles.

Os quase R$40 bilhões servirão para melhorias em várias partes do estado, aplicados em cinco anos. O destaque é para reforma de hospitais, construção do Rodoanel, manutenção de 3.000 km de estradas estaduais, construção de três pontes sobre o Rio São Francisco no norte de Minas, ampliação do metrô de Belo Horizonte, contenção de enchentes e recuperação de parte do meio ambiente destruído pela barragem da Vale em todo o Vale do Rio Paraopeba.

Foto: Juvenal Junot – Assessoria ALMG

Participaram da reunião na sala do Diretor Geral da ALMG na tarde desta segunda-feira (21) os articuladores do Movimento MDDM, jornalista José Aparecido Ribeiro, presidente da Abrajet MG; o diretor Dino Sávio, publicitário e dono da Partners Comunicação; o vice-presidente do Sinduscon e do Seconci-MG, Engenheiro Ricardo Catão; o presidente da Abrasel MG, Matheus Daniel; o presidente da Associação de Moradores do bairro Buritis, o mais populoso da capital, Rômulo Belfort; o presidente da Associação de Moradores do bairro Pilar, Arlindo Reis e o presidente do Conselho Municipal de Saúde de Divinópolis, Warlon Carlos Elias. Todos saíram da reunião satisfeitos com as notícias.

José Aparecido Ribeiro é jornalista e presidente da Abrajet-MG

Contato: jaribeirobh@gmail.com – WhatsApp: 31-99953-7945 – www.zeaparecido.com.br

Este blog não recebe verbas publicas aceita anúncios ou doações. Colabore!

3 thoughts on “Sociedade pressiona e PL 2508/21 vai a votação na manha desta terça-feira (22) na ALMG, liberando R$11 bilhões para MG

  1. Agradeço em nome de todos os mineiros a participação ativa do jornalista José Aparecido, pois é este mesmo o papel de todo profissional que dignifica sua profissão. Se tivéssemos em nosso país, o quarto poder, tão importante em qq sociedade, composto por bons profissionais, certamente os outros três poderes não conseguiriam nos envergonhar.

  2. Que a ALMG resolva logo essa liberação, para que o Governo de Minas possa avançar nas reformas e obras de infra estrutura que precisa realizar!

  3. Como te falei, Zé Aparecido… os caras sentaram em cima de um Projeto de Lei importante desse, vai trazer benefícios pra todo o estado… 100 dias chocando o Pl 2508/21 é o fim da picada…
    Vamos ver se resolve isso agora, né!
    Abraço pra vc Zé Aparecido, estamos aí torcendo pra dar tudo certo…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.