ESTACIONAMENTO DO MERCADO CENTRAL – SÓ PARA MILIONÁRIOS

Acredite, fui assaltado no Mercado Central de Belo Horizonte e não tenho para quem reclamar. Explico: Sou frequentador assíduo do Mercado e raros são os dias que não passo por lá, pelo menos para um café ou para uma caminhada sem compromisso. Um hábito que herdei do meu pai e do meu avô e que já dura mais de 40 anos. Sinto prazer em andar, comprar e sentir o cheiro daquele local, cuja tradição, é cartão postal e ponto de visitação obrigatório de turistas Brasileiros e estrangeiros. Poucas foram as vezes que não percebí a presença de pessoas de fora ali, comprando, fotografando ou simplesmente contemplando o lugar.

 

Faço isso a pé e raramente uso carro para ir ao mercado. Porém, na ultima semana recebi um amigo de fora e tive que ir de carro. Para a minha surpresa após 2,5 horas de permanência, fui ao andar de cima apanhar o carro e recebi uma conta de R$30,00 pelo tempo que permaneci lá. Ou seja, estão cobrando R$10,00 a hora pelo estacionamento. A conclusão é que hospedar em um hotel 5 estrelas sai mais barato do que estacionar no Mercado Central de BH, o que é um verdadeiro absurdo, algo sem propósito e que foge ao principio da razoabilidade.

 

Vale lembrar que o publico que frequenta o tradicional Mercado não é composto só por milionários que podem pagar diária de hotel 5 estrelas para hospedar os seus veículos importandos por algumas horas, ali circulam pessoas de todas as classes, especialmente os de classe média, que possuem carro e que não podem pagar tão caro por estacionamento. Diante de tamanho disparate, deixo meu repúdio e convido os que estão indignados como eu a um boicote ao estacionamento do Mercado. Convido também as autoridades para se manifestarem e se não existe, criarem uma regulamentação que possa acabar com este disparate.

 

José Aparecido Ribeiro

Consultor em Mobilidade e Assuntos Urbanos

ONG SOS Mobilidade Urbana

CRA – MG 0094/94.

31-9953-7945

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.