Marcha da Família em Belo Horizonte é marcada pela organização e pelas cores da bandeira do Brasil

Marcha da Família em BH chamou atenção pela organização e cores da bandeira do Brasil

A Marcha da Família ocorreu na manha do último sábado (15) na Praça da Liberdade em BH e levou cerca de 1,5 mil pessoas, a maioria delas vestidas de verde e amarelo, com bandeiras, cartazes contendo frases impactantes, todos de forma ordeira. Chamou atenção à organização do evento e a maneira de manifestar, lembrando cultos religiosos onde a contemplação e a músicas de louvor estão sempre presentes, acompanhadas de orações.

O evento trouxe uma diversidade de pautas relacionadas às famílias e foi organizado pelo representante local da Marcha, Carlos Henrique Queiroz. Entre as reivindicações o voto impresso auditável, o fim dos lockdowns que afetam a vida de milhões de trabalhadores e empresários, a rejeição da liberação do plantio de maconha no Brasil, o apoio ao tratamento imediato aos primeiros sintomas do Covid-19 (uma alteração para o termo tratamento precoce) e o apoio ao presidente da República Jair Bolsonaro.

Originalmente a Marcha da Família teve inicio entre 19 de março e 8 de junho de 1964 em resposta ao que foi considerado pela sociedade, uma ameaça de comunistas ao Brasil, representada pelas ações dos grupos radicais da época e pelo discurso em comício do presidente João Goulart (PTB) em 13 de março daquele mesmo ano. Goulart assinou dois decretos permitindo que terras fossem desapropriadas e cinco refinarias de petróleo fossem estatizadas. Em seguida anunciou as reformas de base que foram vistas como um passo em direção à implementação de uma ditadura socialista, dando início a uma reação que culminou no contra golpe que os livros de história chamam de “golpe de 64”.

Durante o evento deste domingo na Praça da Liberdade, que contou com o apoio da Polícia Militar e da Guarda Municipal, várias entidades e líderes se manifestaram apoiando a pauta, entre eles o coordenador da Marcha de BH Carlos Henrique Queiroz; o Pastor Ceará, ex-jogador de futebol; a ativista Cláudia Diniz do Movimento Mães Direitas; Guilherme de Barros do Movimento Voto Conservador; o Dr. Kleber Lacerda Júnior – Médico com 47 anos de atuação e que compõe a linha de frente da Covid-19, defensor do tratamento imediato contra o Coronavírus. O movimento conta hoje com mais de 20 mil médicos defensores da Ivermectina, Hidroxicloroquina, associadas a outras drogas conhecidas.

Falaram também o Pastor Divino – Igreja Batista Getsemani, a líder da Marcha da Família, Ana Helena Faleiro; a Cel Cláudia Romualdo, ex-comandante do CPC – Comando de Policiamento da Capital; deputado Cel Sandro (PSL-MG), a vereadora Flavia Borja (Avante), Luciana Massote, representando a Fundação Caminho Verdade e Vida, e o ex-vereador e Deputado Federal Fernando Borja (Avante) , que falou sobre identidade de gênero nas escolas municipais. O evento contou ainda com a participação de três intérpretes voluntárias de libra: Adriana, Bárbara e Patrícia. Quem coordenou as orações foi a professora de Design da UEMG Rita Engler, mãe do deputado estadual Bruno Engler (PSL-MG).

Estiveram presentes também vários líderes comunitários, presidentes de Conselhos Regionais como o Administrador Gehu Pinto do CRA-MG, políticos e ativistas das causas de direita de Belo Horizonte como Márcia Peluso do Movimento brasileirOS.brOS, o Advogado Dirceu Brandão, José Antonio do Sagrada Família, Raquel Morato, o artista Mauro Fernandes, Sr. Romano do Movimento RPJ – Reforma Política Já, motociclistas e outros. A sonorização profissional, realizada pela empresa Equipe 1 do empresário Rogerinho deu aos manifestantes a tranquilidade para interação e participação ativa.

Na voz de Ester de Oliveira Alvares de 10 anos – o evento foi encerrado com a oração do Pai Nosso e o hino nacional cantado de frente para uma das gigantescas bandeiras do Brasil que foram instaladas no local.

José Aparecido Ribeiro é jornalista

Contato: 31-99953-7945 – jaribeirobh@gmail.comwww.zeaparecido.com.br

Crédito de fotografias: Luidgi Carvalho – @luidgicarvalhofotografo

Este blog não recebe verbas publicas e aceita doações ou anúncios. Colabore!

15 thoughts on “Marcha da Família em Belo Horizonte é marcada pela organização e pelas cores da bandeira do Brasil

  1. Parabéns! Maravilhoso…. é preciso alcançarmos os mais carentes em educação e informação… eles precisam abrir seus olhos e realmente serem bem informados do que se passa em nosso País… para benefício de TODOS! #Bolsonaro2022 💚💛💙

  2. AGORA O FOCO É SÓ UM: VOTO IMPRESSO. NÓS TEMOS POUCO TEMPO PARA CONSEGUIR A SUA APROVAÇÃO, BASICAMENTE SÓ 4 MESES. APROVEITO PARA CONVOCAR A TODOS, PARA PARTICIPAREM DESTE GRANDE LEVANTE, SE NÃO, PODEMOS PERDER O BOLSONARO COMO PRESIDENTE. FAÇAM FRASES E AS DIVULGUE NAS SUAS REDES, CONVOQUEM AMIGOS, PARENTES E VIZINHOS. A LUTA NÃO PARA: #VotoImpressoAudiravelJa #PorqueNaoImprimir

  3. Parabéns em mostrar a reação ,passeata em Belo Horizonte! A mídia popular não divulga nada!!! Nem em Brasília ou outro lugar!!! Vou repassar para os grupos!!

  4. Deus, Pátria, família, democracia e Liberdade.
    Parabéns aos organizadores e todos que compareceram.

  5. Por um lado, DEUS, PÁTRIA, LIBERDADE e FAMÍLIA, são valores que unem os cidadãos do bem. Por outro lado, os subversivos com poder, assassinam covardemente os pobres e os inocentes.

  6. Família é a peça mais importante da sociedade. Sem ela tudo se desmorona.
    Graças a Deus temos lideranças bem acordadas para esse assunto.
    Esperamos que a cada dia mais pessoas se acheguem a esse movimento em defesa da famíla e da pátria.
    “Brasil acima de tudo e Deus acima de todos”.

  7. Brasil dos Brasileiros é verde e Amarelo com caráter claramente Positivista na nossa bandeira é : “Ordem e Progresso” o que em uma nação da nossa extenção e densidade populacional não pode prescindir das Famílias

  8. Por manifestações ordeiras como essa de Belo Horizonte, a gente vai vendo como o POVO BRASILEIRO ESTÁ FICANDO ESCLARECIDO. E MANDA UM RECADO PARA OS ESQUERDOPATAS CORRUPTOS DE QUE ELES NAO TEM MAIS VEZ NO BRASIL.

  9. Sou o pastor Filipe Matos de Belo Horizonte e estive presente nesse evento que foi maravilhoso, uma excelente organização.
    Que Deus continue abençoando nossas famílias.

  10. MINAS GERAIS como sempre, da demonstrações de que no Brasil jamais seremos um país comunista e que queremos seguir como um país cristão e temente a DEUS.

  11. Mensagens já conhecidas, mas é necessário mostrar a indignação do povo.
    Uma coisa que precisa ser tirada do governo é o STF, vários países do mundo não tem essa coisa louca.
    É muita autoridade pra 11 pessoas.
    Vamos continuar marchando com a família e o Brasil
    Deus no comando.

  12. É gratificante constatar manifestações por todo o Brasil, a favor de uma Nação saudável, próspera e onde a honestidade predomine.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.