Rede Mater Dei de Saúde entra na era da inteligência artificial por meio de sociedade com A3Data

50,1% da A3Data, empresa especializada em dados e inteligência artificial agora são da Rede Mater Dei de Saúde, empresa que teve capital aberto na Bolsa de Valores recentemente

Foto: Link Comunicação – Equipes Mater Dei e A3Data

A conhecida e respeitada rede Mater Dei de Saúde, fundada em 1981 pelo Casal José Salvador e Norma Salvador, ambos médicos ginecologistas e obstetras, anunciou na última sexta-feira (24) a aquisição de 50,1% do capital social da A3Data, dando os primeiros passos para inserir a empresa no universo da inteligência artificial. O negócio envolve um montante de R$40,8 Milhões.

A Rede Mater Dei, que tem três unidades, duas em Belo Horizonte, uma em Betim, atendendo ao público de Contagem, além do projeto de Salvador que deve ficar pronto no início de 2022, teve seu capital aberto na Bolsa de Valores, por meio da oferta de ações em fevereiro último. Seu faturamento anual é de R$800 milhões e os planos de expansão são robustos.

A inteligência artificial vale destacar, promove grandes impactos nas organizações e costuma significar aumento de receita, redução de custos e melhora na satisfação dos clientes. A novidade chega junto com a internet das coisas, a conhecida e esperada 5G, cuja previsão para implantação no Brasil é início de 2022.

Foto: Acervo pessoal – Rodrigo Pereira – A3Data

A operação com a A3Data  demandou investimentos na ordem de R$ 25 milhões em ações (cash-out), secundárias e R$ 15 milhões em aquisição primária (cash-in), garantindo o desenvolvimento dos produtos na área de saúde com perspectivas animadoras.

Sócios da A3Data permanece no negócio com 49,9% do ativos

No acordo uma das condições é que os sócios e gestores da A3Data permaneçam à frente do negócio, garantindo a Rede Mater Dei a operacionalização dos modelos e práticas de governança que colocam o Mater Dei na vanguarda da gestão por meio da inteligência artificial.

“Temos muitos pontos em comum com a A3Data, como alta capacidade de execução, referência de qualidade em nossos segmentos, cuidado com as pessoas e, principalmente, acreditamos e investimos em tecnologia”, explica Henrique Salvador, presidente da Rede Mater Dei de Saúde.

Foto: Suno – Dr. Henrique Salvador – Presidente do Grupo Mater Dei de Saúde

Ele lembra ainda que: “Com essa operação, vamos acelerar o desenvolvimento de inteligência para a aplicação de vários projetos. Alguns deles já estão em andamento. Podemos citar, por exemplo, novos modelos de remuneração, o que já vem sendo feito com sucesso em nossa instituição”, relata o médico que é filho do casal José Salvador e Norma, fundadores da empresa. Henrique disse ainda que vai criar um núcleo de inteligência voltado para a área de saúde e ciências da vida.

Foto: Acervo Rede Mater Dei de Saúde – Dr. José Salvador e Dra. Norma Salvador

Já o CEO da A3Data, Rodrigo Pereira relatou que a operação proporcionará uma alta especialização na área médico-hospitalar e dará mais capacidade financeira para a criação de produtos digitais, além de incorporar à empresa as melhores práticas de governança e ESG que já vigoram na Rede Mater Dei.

“tudo isso sem mudar nosso time e o nosso propósito de empoderar as pessoas por meio dos dados e modernas práticas de gestão, como horizontalidade, agilidade e escuta ativa”, encerrou o agora meio sócio da Rede Mater Dei.

José Aparecido Ribeiro é jornalista

www.zeaparecido.com.br – WhatsApp: 31-99953-7945 – jaribeirobh@gmail.com

Este Blog necessita de anúncios e doações para sua manutenção. Colabore!

4 thoughts on “Rede Mater Dei de Saúde entra na era da inteligência artificial por meio de sociedade com A3Data

  1. Notícia excelente principalmente porque nós aposentados e funcionários da Cemig tem convênio com esse hospital.
    Desde sua fundação já demonstrava sinais de futuro brilhante.
    Sem demagogia que nome maravilhoso.
    Eu que sou devoto a Maria e apaixonado com Deus.
    Parabéns ao casal e bastante sucesso.
    Que Deus Todo Poderoso continue abençoando.

  2. Parabéns! Em especial pelo reconhecido corpo clínico com lideranças tradicionais da MEDICINA MINEIRA que é a melhor do Brasil

  3. Assim caminha a humanidade, estão pioneiros de uma tecnologia que será demandada em todo mundo. Isto vai trazer muitos benefícios aos pacientes, desburocratização, agilizar os processos de diagnósticos e cruzamento de dados. Como hospital referência desejo muito sucesso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.