Setor de eventos deixa o “CTI” e começa a dar sinais de recuperação

Empresa promove treinamento e pretende contratar 1.500 profissionais para eventos

Dos setores mais impactados pela pandemia do Covid-19, o de eventos foi de longe o mais prejudicado. Foi o primeiro a entrar e o último a sair da crise. Porém, ainda que timidamente iniciou a retomada de suas atividades.

Foram pelo menos 18 meses de restrições, que levaram profissionais do segmento migrarem para outras atividades. A debandada causou um apagão de mão de obra. Bons ventos voltam a soprar em favor do segmento e ele devagar começa a ser recuperar.

A empresa AllStar Tenders, que presta serviços de bares e caixas para os maiores shows e festivais de Minas Gerais, decidiu realizar evento para capacitar candidatos à vagas de prestação de serviços temporários.

O treinamento da AlStar Tenders 2021 acontece no dia 15 de novembro, segunda-feira (feriado), às 16h, no Mineirão. De acordo com o diretor da empresa, Mauro Gabriel, são esperadas cerca de 1500 pessoas para ocupar as vagas de trabalhos temporários, mas se tudo der certo, o número de contratos temporários pode ser ainda maior.

“Temos demandas de profissionais para atuação em caixas e bares de eventos durante todo o ano. Como hoje estamos com muitas oportunidades, decidimos realizar essa iniciativa na arquibancada do estádio, respeitando todos os protocolos necessários para a segurança de todos”, explica o executivo.

Ele afirma ainda que está otimista e que pretende encontrar profissionais suficientes para atender a demanda dos eventos que estão retornando gradativamente. “Com a retomada do setor de eventos, temos que trabalhar nas festas que já estavam programadas e, diante da demanda represada dos shows e festivais que estavam por vir, teremos muito trabalho para frente e sem mão de obra não será possível atender toda a demanda. Vamos promover esse treinamento e já deixar o nosso banco de talentos atualizado para ser acionado sempre que necessário. É uma oportunidade para gerar renda sem deixar de lado o atual emprego, já que a média de remuneração por evento é de R$ 150”, pontua Mauro Gabriel.

Todo esse ânimo está embasado no ritmo de trabalho da empresa antes da pandemia. Com 12 anos de mercado e atuação em Minas Gerais, São Paulo, Espírito Santo, Brasília e Santa Catarina, cerca de 2.500 colaboradores eram contratados por final de semana para trabalhar nos eventos. “Um dos setores que mais demanda mão de obra em um show ou festival é o de bar, além dos caixas, pois é necessário ter um número ideal de profissionais atendendo de acordo com a estimativa de público”, completa o empresário.

Os candidatos às vagas na AllStar Tenders devem participar do evento que acontece no dia 15 de novembro, no Mineirão, é necessário realizar o cadastro por meio do site www.allstartenders.com.br.

Treinamento AllStar Tenders 2021 será dia 15 de novembro, segunda-feira (feriado), às 16h no Estádio do Mineirão – Av. Antônio Abrahão Caram, 1001, Pampulha, Belo Horizonte, MG

A informações e crédito de fotos são do Grupo Balo de Comunicação.

José Aparecido Ribeiro é jornalista

www.zeaparecido.com.br – Whatsapp 31-99953-7945 – jaribeirobh@gmail.com

Contribua para manutenção deste Blog doando qualquer valor ou anunciando.

 

One thought on “Setor de eventos deixa o “CTI” e começa a dar sinais de recuperação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.